Toaru Majutsu No Index III #EP05 E #EP06 ⌈Análise Semanal⌋

Toaru Majutsu No Index III #EP05 E #EP06 ⌈Análise Semanal⌋

Ainda não viu as análises dos episódios anteriores? Então clique aqui para ser direcionado à página de análises de Toaru Majutsu no Index III

Apresentação do episódio

Finalização de mais um arco na história de Index! Dois episódios que fecham o arco focado no lado negro da cidade acadêmica. O que eu mais queria ver nesses episódios era a evolução de Accelerator, já que, pelo o que parece, ele deixa de ser um antagonista para virar um dos protagonistas da série ao lado de Kamijou Touma

Primeira Metade do episódio

Tá, eu sei que essa quantidade absurda de organizações deve ter confundido vocês, então vou tentar dar uma explicada melhor. As  5 organizações que estão batalhando nesse arco são: GROUP, BLOCK, ITEM, SCHOOL E MEMBER. Sendo que, dessas organizações, nós só conhecemos detalhadamente duas até agora, que é a GROUP, comandada por Tsuchimikado e que tem Accelerator, o esper mais poderoso da cidade, como membro. E a ITEM, que tem como líder Mugino Shizuri, a MeltDowner, que é a esper número 4 no ranking da cidade acadêmica, e que já fez participação em Toaru Kagaku no Railgun.

J.C Staff©

O interessante desse arco foi ver o quão os level 5 estão à frente dos outros espers. BLOCK e MEMBER, as duas organizações que não tinham espers do mais alto nível, foram aniquiladas com certa facilidade. Inclusive, a GROUP nem precisou de Accelerator para derrotar a BLOCK, que tinha como objetivo usar Musujime Awaki, a ”Move Point” que, assim como Shirai Kuroko, é uma esper level 4 com poder de teleporte.

J.C Staff©

Segunda metade do episódio

Pesado, essa é a palavra que consigo usar para descrever uma das cenas mais surpreendentes de Index até o exato momento. Kamijou Touma é aquele típico personagem justiceiro, que consegue dar uma lição nas pessoas que derrota ou traz ela pro seu lado. Mas Touma não está nesse arco, então o que estamos vendo aqui são as faces mais malvadas da cidade acadêmica. Os membros que fazem parte do ”Lado escuro da cidade acadêmica” matam pessoas sem piedade nenhuma. E a morte de Frenda, pelas mãos de Mugino Shizuri, é a prova disso.

J.C Staff©

E, pela segunda vez na série, tivemos um level 0 derrotando alguém de level 5! E vocês não tem ideia o quanto me deixa feliz ver a MeltDowner tomar uma surra. De todos os level 5 apresentados até agora, ela é ,de longe, a que eu menos gosto. Além de ser uma psicopata que matou um membro de sua própria organização. A primeira vez em que vimos um Level 5 perder para um 0 foi com Kamijou Touma derrotando Accelerator.

J.C Staff©

E, na última batalha desse arco, tivemos Accelerator contra Kakine Teikoku. O que mais me impressionou nessa luta foi a força de Accelerator e sua mudança de personalidade, se formos comparar ao início da série. Accelerator derrotou Kakine enquanto protegia milhares de pessoa e, como ele mesmo afirma, isso provou a diferença na força entre os dois. Mas o que me impressionou bastante foi a mudança de personalidade dele. Fica fácil lembrar do número 1 da cidade acadêmica como um louco que matou 10.000 clones da Railgun com o objetivo de alcançar um poder incontestável. Mas, o mais interessante, foi ele lembrar das Sisters mortas quando Kakine o provocou. Parece que o número 1 está arrependido de seus atos.

J.C Staff©

O final do arco Battle Royale deixa registrado a organização vencedora, a GROUP, que saiu totalmente ilesa. Enquanto que School, MEMBER e Block foram totalmente aniquiladas. E a ITEM, muito prejudicada. Algo que eu deixo em destaque nesse arco? a força de Accelerator e a sinergia bem bacana que os membros da GROUP têm.

J.C Staff©

Conclusão

De longe, um dos meus arcos favoritos de Index. A mudança na personalidade de Accelerator, a brutalidade das organizações e as batalhas de várias frentes do lado negro da cidade me despertaram bastante interesse. O GROUP parece não ter sido desfeito, então é bem capaz que os 4 membros voltem novamente daqui a um tempo.

 

Nota do episódio: 4/5

 

Pedro Guarani

Tenho 21 anos de idade, sou apaixonado pela parte técnica da animação japonesa. Escrevo sobre animação, enquanto tento engolir o fato de que meu melhor amigo me trocou pela namorada.

Posts Relacionados