Goblin Slayer #EP05 & #EP06 ⌈Análise Semanal⌋

Goblin Slayer #EP05 & #EP06 ⌈Análise Semanal⌋

Ainda não viu a análise dos episódios anteriores? Então clique aqui para ser direcionado a página de análises de Goblin Slayer

Apresentação do Episódio

©White Fox / Goblin Slayer

Uma coisa que eu estava muito preocupado com esta animação, era a deficiência de profundida na história. O Goblin Slayer veio como uma proposta inovadora para tratar a realidade dos aventureiros, porém isso veio se perdendo ou até diria que ficando cansativo, já que não havia uma grande inovação por parte de roteiro da própria obra original. O anime só começa a pegar no tranco mesmo a partir do episódio 6, o que me preocupa muito, pois já estamos na metade da temporada.

Tribunal de rankeamento e o serviço de um observador

©White Fox / Goblin Slayer

Para ser bem sincero, eu só não dormi no episódio 5 porque as partes finais me seguraram por um instante. O episódio todo não teve profundidade e tão pouco alguma coisa realmente relevante para o desenvolvimento da obra. Mesmo dizendo isso, ainda dá para dar um desconto, pois era um episódio introdutório para o novo arco que viria.

©White Fox / Goblin Slayer

O único ponto relevante que podemos tirar daqui é o tribunal de rankeamento, onde a recepcionista da guilda com a ajuda de uma sacerdotisa e de um olheiro (que desta vez ficou por conta do Goblin Slayer) decidir se irá promover o aventureiro para uma classe superior ou não.

©White Fox / Goblin Slayer

Aqui podemos ver que não é tão fácil assim tentar passar a perna para conseguir um rank maior. O aventureiro aleatório que tentou dar uma de espertinho, arregou para o Goblin Slayer ao ter uma “premonição” de que se daria mal caso tentasse atacar os três. Após esse fato, fica muito perceptível a paixão da recepcionista da guilda pelo Goblin Slayer (nota-se o harém formando em volta dele).

O Templo da Lei e a Donzela da Espada

©White Fox / Goblin Slayer

Finalmente o anime está tentando dar mais profundidade e começaram a explorar mais do universo. Aqui nos é introduzido um pedido da realeza na qual o remetente é o nosso querido protagonista, também conhecido como o Matador de Goblins. No pedido diz que eles devem partir para o Templo da Lei afim de encontrar a pessoa que lhe fez o pedido. Desta forma o Goblin Slayer reúne sua equipe formada pela Priestess, Elfa, Anão e o Lizard.

©White Fox / Goblin Slayer

Chegando no Templo da Lei, os aventureiros vão de encontro com a Arcebispo do Deus Supremo, aquela que por enquanto é a única personagem apresentada como Rank de nível ouro, e também no rank 2 na lista de melhores aventureiros. A Donzela da Espada é a pessoa encarregada pela lei de toda a fronteiro ocidental. Além de ser amada pelo Deus Supremo, a mesma nasceu como uma simples garota que mais tarde ganhou o reconhecimento graças ao seu esforço e maestria na condução de poderes sacerdotisas por derrotar o Demônio Supremo.

©White Fox / Goblin Slayer

Como os militantes da cidade estavam ocupados em missões mais importantes e os aventureiros da cidade não estavam dando conta do recado, a Arcebispo não teve outra escolha a não ser chamar ajuda do rumoroso matador de Goblins que estava circulando por aí. Enquanto adentravam cada vez mais no aqueduto, nossos aventureiros percebiam que desta vez a parada era mais embaixo (literalmente).

Conclusão

©White Fox / Goblin Slayer

Se não fosse pelo episódio 6 mostrado nessa semana, provavelmente o Goblin Slayer cairia muito em questão de roteiro, vendo que não estariam tentando inovar com nada e tornando muito repetitivo só com missões de abates aos goblins. Até agora não tivemos lutas impactantes para a importância de uma construção de efeitos corrente e tão pouco um objetivo e meta para nossos personagens dentro da história. Agora é ver o que eles farão com estre arco que entre os últimos, tende a ser o mais promissor.

Nota do episódio 5: 2/5
Nota do episódio 6: 3/5

Mande um email para recrutamento@animystic.com.br ou https://animystic.com.br/recrutamento/ 

Henry(Vulpixs) Yamaguchi

Fundador e CEO do Animystic. Moro no Japão desde pequeno até então, sou trabalhador diurno e editor de podcast nos períodos da noite. Amante de animes com boa história, literatura e tudo que envolva mitologia

Posts Relacionados