Mangá de Human Lost tem último capítulo publicado

A adaptação em mangá do filme 3D CG Human Lost, de Ryusuke Takashiro, teve seu último capítulo lançado nesta sexta-feira, 25, na revista Afternoon, da Kodansha. A história é uma adaptação da novel No Longer Human, de Osamu Dazai, classificado como um dos romances mais importantes do Japão.

O romance, apesar de ser serializado como obra de ficção, é narrado na primeira pessoa e contém vários elementos que trazem uma base autobiográfica, como o suicídio – um tema recorrente na vida do autor. Muitos também acreditam que o livro tenha sido a representação de uma vontade dele, já que ele tirou a própria vida pouco depois da publicação da última parte do livro, em 13 de junho de 1948.

Sobre o filme:

Com direção de Kizaki, a animação foi produzida pela Polygon Pictures e teve a direção executiva de Katsuyuki Motohiro (Psycho-Pass). Yusuke Kozaki (BBK/BRNK, Intrigue in the Bakumatsu – Irohanihoheto) trabalhou no design de personagens enquanto Kenichiro Tomiyasu (Resident Evil: Damnation) esteve a cargo da arte conceitual. A supervisão ficou nas mãos de Tow Ubukata (Fafner, Psycho-Pass 2), ou seja, o time responsável por Human Lost contou com a colaboração de muitos profissionais gabaritados e com capacidade de entregar um filme de excelência.

Sinopse:

O ano é 2036. Uma revolução no tratamento médico venceu a morte por meio de nanomáquinas internas e do “Sistema Shell”, mas apenas os mais ricos podem ser permitidos participar. Yozo Oba não é o mais rico. Incomodado por sonhos estranhos, ele une-se à grupo de motociclistas do seu amigo numa infeliz ida a “The Inside”, onde a elite da sociedade vive. Isso instiga uma jornada de descobertas aterrorizantes que mudaram a vida de Yozo para sempre.

Fonte: Aqui!

Follow Me:

Posts Relacionados