Nintendo bane canais do YouTube que usam as músicas de seus jogos

Apesar da Nintendo nunca ter sido uma empresa muito simpática com os criadores de conteúdo para plataformas digitais, especialmente no YouTube, e mesmo tendo melhorado sua relação com os criadores de conteúdo nos últimos anos, ao que tudo indica, a gigante japonesa começou a remover recentemente os vídeos que utilizam músicas de seus jogos em suas produções.

O youtuber Gilva Sunner, por exemplo, que possui um canal com mais de 300 mil inscritos, revelou em sua conta oficial no Twitter, uma foto que apresenta vários e-mail de reclamações de direitos autorais supostamente enviados pela Nintendo.

Veja:

“E lá se vai o Awakening. 115 vídeos no total foram bloqueados até agora. Eles começaram manualmente com os conteúdos mais vistos no canal e agora estão pelas playlists, uma por uma, eu acho. Vendo pela hora das reivindicações, parece que está vindo do escritório do Japão”, escreveu.

“Nintendo, por favor, ponha suas trilhas sonoras no Spotify e/ou em outros serviços de streaming. A Namco, Square, Capcom e outros já perceberam isso, quando você vai?”, criticou o youtuber.

Vale lembrar que a Nintendo, caso esteja fazendo isso, não está infligindo nenhuma lei, tendo em vista que ela tem direitos autorais sobre suas obras, inclusive, ela comercializa as trilhas sonoras para os interessados em adquiri-las. Entretanto, não foram confirmados oficialmente que a Big N esteja realizando estas ações, apesar de ter sido acusada por vários usuários do Reddit.

Fonte: Aqui!

Follow Me:

Posts Relacionados